ALQUIMISTAS DO SOM – As liberdades da música brasileira segundo Tom Zé, Lenine, Arnaldo Antunes, Arrigo Barnabé, Egberto Gismonti, Julio Medaglia, entre outros

SINOPSE: “Dirigido por Renato Levi em 2003, o documentário ALQUIMISTAS DO SOM traça um panorama das experimentações na Música Popular Brasileira. A linha evolutiva da MPB é construída a partir de depoimentos exclusivos de artistas brasileiros como Tom Zé, Lenine, Arnaldo Antunes, Egberto Gismonti, Arrigo Barnabé – além de letristas como Carlos Rennó e do maestro Julio Medaglia – e suas incursões no experimentalismo musical (suas origens e motivações). Os comentários são ilustrados com musicais do produtor Fernando Faro. Direção e Edição: Renato Levi. Roteiro: Fernando Salém. Ano: 2003.” – OBVIOUS

Tom zer

Anúncios

Sobre acasadevidro.com

Weird in the head and wild at heart.

Um pensamento sobre “ALQUIMISTAS DO SOM – As liberdades da música brasileira segundo Tom Zé, Lenine, Arnaldo Antunes, Arrigo Barnabé, Egberto Gismonti, Julio Medaglia, entre outros

  1. […] ALQUIMISTAS DO SOM – As liberdades da música brasileira segundo Tom Zé, Lenine, Arnaldo Antunes,… […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s